NO VÁCUO

Mal acabou o thriller ‘Onze homens e uma goleada’, eu ainda nem tinha conseguido deglutir a pipoca com chocolate e já havia no twitter manifestações embolando o meio de campo entre esporte e política. Entre elas uma postagem do arauto da inexpressividade Levy Fidelix, cujo partido nem sei, mas que é candidato a presidente. Tratou de algum assunto como reforma tributária, política ou do sofá, não costumo prestar muita atenção ao que esses caras dizem (afinal, em geral eles não dizem nada).

O que a derrota brasileira de fato despertou em mim foi um temor muito grande de que, à guisa de protesto contra o Felipão e seus comandados, os babacas de plantão aproveitassem para promover baderna nas ruas. Já me chegaram algumas informações sobre isto, por enquanto nada de grande monta, e espero que continue assim. Creio que está mais do que na cara quem são os descerebrados vendidos que se autodenominam black blocs e a quem servem.

Quem leva jeito de também tirar uma lasquinha é o candidato das Geraes, o Garoto de Ipanema. Pode ser que leve algum dividendo à custa do fracasso no esporte, em se tratando desse povinho cretino tudo é possível.

Não tenho candidato para o executivo federal, mas uma certeza me norteia: nunca, jamais e em tempo algum vou dar meu voto para esse playboyzinho cocô, que tem um cavalo como vice e um representante de uma das oligarquias mais podres do nordeste, José Agripino Maia, como coordenador de campanha. Isto sem falar que Armínio Fraga, que recentemente declarou que nosso salário mínimo está muito alto, é cotadíssimo para assumir um ministério num eventual (toc, toc) governo Aécio. 

Na falta de disposição para sair de casa para votar, vou permanecer por aqui jogando paciência. Se tiver que pagar multa, paciência.

Esta entrada foi publicada em Assuntos Gerais. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

3 respostas a NO VÁCUO

  1. Amauri Kravaski disse:

    Meu querido, amado, sensível, educado, lindão, paciente, poliglota e amigo Negão, contanto que vc não levante a bunda desa cadeira de aposentado pra votar nos PTralhas, vc pode ficar onde quiser no dia da eleição. Entendeu ou quer que eu desenhe???????? kkkkkkkkkkkkkkk

  2. Amauri Kravaski disse:

    O capeta não é candidato, só a sua cria……

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *